quinta-feira, abril 10, 2008

no news whatsoever ..

Carolina Salgado, testemunha principal num processo rocambolesco que atenta o carácter humano, teve ontem um acidente de viação sem consequências de maior, e portanto, direito a página de destaque nas notícias via net que consulto diariamente. Gostava eu, simples e pouco exigente leitora, de ver abordados com tamanha tenacidade, pormenor e sentimento de relato, os problemas que realmente afectam o nosso país, que me perdoe o jornalista ..

A Tocha que é Olímpica e não chinesa, foi desviada por protestos dignos que espelham a preocupação de muitos, o desconforto e a revolta de outros tantos. O que eu gostava, humanitária aspirante a anónima, é que passada a “moda” todos continuassem revoltados, preocupados e em busca de soluções.

Sílvio Berlusconi afirma do alto da sua sapiência que as mulheres de direita são mais bonitas. Aborrecida com o redutor que isto representa, olhei-me ao espelho para tentar perceber que quererá o senhor dizer. Nada, concluí, vejo-me sempre de frente eu.

O secretário de estado do ambiente afirmou que para cumprir as normas comunitárias relativas à qualidade do ar, as portagens à entrada das cidades são “incontornáveis”.
Em nada me espanta isto .. se até as rotundas o são na maioria das vezes.

Haverá um Mille Collines no Zimbabué? Hope so ..

10 comentários:

Mike disse...

Eu, rebolando-me a rir com coisas ditas sérias... devo estar a ficar senil... ou a qualidade da escrita da senhora é como as rotundas (o objectivo agora é parar de rir)...
Dia bom, Miss Once.

Luísa disse...

Uma selecção muito interessante de notícias, querida Once. Quanto às mulheres de direita mais bonitas, é possível que o fossem no tempo em que o feminismo, conotado com a esquerda, procurava afirmar-se pela via da «masculinização». Hoje, já só eu e, pelos vistos, o Berlusconi queremos acreditar que ainda são. ;-D
Sobre as portagens, tenho dúvidas sobre a bondade das intenções. Tanto quanto sei, não foi com portagens que se fecharam ao trânsito muitas das ruas mais centrais de Lisboa. Os cofres do Estado andam, por estes dias, insaciáveis.

O Réprobo disse...

Enfim, Querida Once, concluo que a Carolina Salgado é, para muita gente, tão incontornável como as portagens, pelo que não se tratou de uma chinesice do jornalista, mas de uma ocorrência que não pode ser olimpicamente ignorada. E que é o trânsito que liga o sinistro da depoente às preocupações do governante ambientalista, pelo que nele devemos buscar o sentido útil das declarações do político italiano em chama: quem tem a prioridade? a direita! Logo, as Mulheres mais bonitas são, para cada homem, aquelas a que dá prioridade. Nada que não se soubesse.
Beijinho

O Réprobo disse...

PS: Do Zimb... não falo, ou ainda me acontece o mesmo que aos membros da Comissão de Eleições.

av disse...

Belíssima colecção de comentários, Once. Vai para o Cata-Ventos, pode ser?
Um beijinho

Once In a While disse...

Caro Mike,
Vale-me a configuração estranha de algumas rotundas no nosso país para eu não assumir desde já que me está a apelidar de “redonda” (risada) ;) Grata *

Querida Luísa .. e andam mesmo. Parece até que nada os sustenta e nada lhes basta. Beijinho

Caro Réprobo
Bela parodia que fez no seu comentário. Quando às direitas vou estar mais atenta de cada vez que tenho de ceder prioridade (coisa que faço sem esforço mesmo perguntando-me com frequência em que escolas tiraram a carta de condução os ilustres que comigo partilham as estradas)

Ana, O meu obrigada por tão imerecido destaque. Ainda para mais ladeada por tão finas escritas como me proporcionou ler :) Beijinho

LB disse...

Ah, será que és de direita? :)

Once In a While disse...

risos lb ;) .. bom fim-de-semana

Mike disse...

Longe de mim, Miss Once, antes pelo contrário. Usando uma analogia que me foi emprestada, arriscaria a dizer que é uma mulher de direita (risos). Apesar de acreditar preferir ser considerada uma mulher às direitas (mais risos).

Once In a While disse...

assim me considero Mike .. uma mulher à direitas por vezes exigente em demasia mas .. there's no such thing as a perfect one ;)